sexta-feira, maio 22, 2009

Take 15 - Maio de 2009


Quinze a zero

No mês em que a quinta temporada de “Perdidos”, um dos maiores fenómenos televisivos da década, chegou ao fim, e que o reboot de “Star Trek” aterrou nas salas de todo o mundo e ofereceu um novo fôlego a uma saga que parecia condenada a transposições cinematográficas cada vez mais banais, é natural que na redacção virtual da Take não tenham havido dúvidas em relação ao nome que merecia fotografia de destaque na capa desta edição. Falo, como já repararam, de Jeffrey Jacob Abrams, mentor, criador e responsável por alguns dos projectos recentes mais interessantes da indústria de Hollywood. Os trekkies portugueses não ficarão desiludidos.

Mas este décimo quinto take traz mais, muito mais. Aproveitando a realização de mais um IndieLisboa, o segundo que acompanhamos, decidimos compor artigos especiais sobe Werner Herzog e Louis Garrel, dois dos protagonistas homenageados este ano. Além disto, não vos faltará o balanço do costume. Mas o Indie não foi o único em que a Take marcou presença. Estivémos também, pelo segundo ano consecutivo, na Festa do Cinema Italiano, onde entrevistámos Elio Germano. E no Black & White, um festival que pelas suas características e organização, promete ganhar relevo no panorama nacional nos próximos anos.

No entanto, nem tudo saíu como pretendíamos. A nossa mega entrevista com uma das actrizes de eleição de Quentin Tarantino – não dizemos quem para não matar o bichinho da curiosidade - teve que ser adiada para o próximo Take. As propostas de colaboração não param de chegar, mas não temos meios nem fundos para assegurar que o crescimento desta equipa não prejudique a sua organização e modo de funcionamento. Mas a responsabilidade de sermos cada vez mais lidos e elogiados um pouco por todo o lado, obriga-nos a lidar com esta situação. Abriremos alas para a qualidade – e temos alguns possíveis novos colaboradores de classe indiscutível, até pelo seu currículo ligado à imprensa cinematográfica -, mas sem prejudicar todos aqueles que lutaram para que a Take fosse hoje uma realidade. Stay tuned.

http://take.com.pt/

4 comentários:

Against disse...

Recebi agora a newsletter a dizer que a revista estava disponível. Há uma coisa que é simplesmente "priceless" na newsletter... O facto de dizerem: "Especial Star Wars" e depois na capa dizer especial Star Trek!

É a verdade!! Star Wars é muito mais importante!! Merecia um especial! :P

Cá para mim foi um fanboy que escreveu esta newsletter! He did it fot the lulz!! :p

lmlas disse...

O filme "Os três macacos" não foi nomeado para Óscar de Melhor Filme Estrangeiro =)

Ganhou sim a Categoria de Melhor Realizador em Cannes.

Continuação do bom trabalho.

Francisco Chaveiro Reis disse...

Esta arrisca-se a ser uma das melhores edições da Take

Miguel Reis (Knoxville) disse...

Against, não perdoas uma :P Mais um momento para os apanhados da Take (já são muitos eheh :D). Um abraço!

lmlas, a questão é "Porque país concorreu...". Não afirmamos que foi nomeado ;) Um abraço.

Francisco, só posso dizer que a de Junho baterá aos pontos qualquer outra edição da Take!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...