quinta-feira, março 19, 2009

Antevisão: Knowing


Alex Proyas é conhecido por ser um visionário e um homem apaixonado pela transposição para o cinema de apocalipses humanos e planetários. Nesta sua nova obra, a primeira após “I, Robot”, o realizador natural do Egipto explora uma narrativa que envolve um professor (Nicolas Cage) que tenta evitar que futuras calamidades globais aconteçam, à medida que interpreta e resolve combinações numéricas, descobertas numa cápsula enterrada durante décadas na escola do filho. Destinado inicialmente a Proyas, este foi, no entanto, um guião que andou a saltitar entre realizadores durante cerca de dez anos. Entre Richard Kelly ("Donnie Darko") e Rod Lurie ("The Last Castle"), a verdade é que foi Proyas que acabou por ficar com o projecto, mesmo depois de o ter recusado à partida. Longe de ser um realizador de massas, o homem que trouxe ao mundo clássicos de culto como “The Crow” ou “Dark City” costuma deixar uma marca muito própria em tudo o que toca. De preferência, sem a influência dos estúdios – como aconteceu na adaptação da obra de Isaac Asimov.

Nicolas Cage, por seu turno, é um dos enigmas mais curiosos de Hollywood. Homem de várias identidades e múltiplos talentos – sendo, no entanto, o género de acção o que mais fama lhe trouxe -, a sua carreira tem sofrido mais oscilações do que outra qualquer. Do brilhantismo de “The Rock”, “Lord of War”, “Adaptation”, “Leaving Las Vegas” ou “Face/Off” aos desastrosos “Next”, “The Wicker Man” ou “Ghost Rider”, Cage deve ter sido dos poucos actores da indústria a tanto triunfar, como cair em desgraça, em todos os géneros cinematográficos possíveis e imaginários. Será este “Knowing” mais um prego para o caixão? Acreditamos que não. Ao contrário de “I, Robot”, “Knowing” não pertence a nenhum grande estúdio de Hollywood. Proyas não terá essa prejudicial influência e, assim, poderá fazer da história o que bem lhe apetecer. Aliás, a Summit Entertainment – que comprou os direitos à Columbia e convenceu Proyas a voltar ao projecto – é um pequeno estúdio independente responsável por filmes como “Memento”, “Requiem for a Dream”, “Lock, Stock and Two Smoking Barrels”, bem como “The Crow”, do próprio Proyas.

Há, inditosamente, uma forte contrapartida: “Knowing” é mais um filme apocalíptico, entre as centenas que já existem e que, recentemente, não têm deixado boa impressão nas audiências. A estrear depois de “The Day the Earth Stood Still” e antes de “2012”, de Roland Emmerich, esse poderá ser um fardo demasiado pesado para a conquista das bilheteiras.

8 comentários:

Tiago Ramos disse...

Curiosamente nem o I, Robot do mesmo realizador, foi muito mau.

Já a carreira de Nicolas Cage... infelizmente não anda nos seus melhores tempos.

thesubsidal disse...

Estou bastante curioso acerca deste projecto! Alex Proyas é um dos realizadores por quem tenho grande estima.

Knoxville disse...

Como alguém disse num outro post do blogue, esperemos que o Nicolas Cage saia rapidamente da sua andropausa artística :D

Um abraço Tiago e thesubsidal!

Filipe Machado disse...

Se Nicolas Cage entra, então não é bom pronuncio...

thesubsidal disse...

O Nicolas tem que controlar as suas hormonas senão o se cérebro andará sempre toldado com visões funestas de coisas esquisitas e a suas decisões nos filmes a entrar serão sempre parvas.
Com este estou confiante, porque temos Proyas.

Knoxville, podias alterar o link para o meu blo? Mudei para 35mm.blogspot.com

Abraço.

jorge vicente disse...

curiosamente, o "wicker man" foi realizado pelo neil labute, que é um realizador muito respeitável. foi talvez o pior filme da carreira dele. nesse caso, o nicholas cage nem tem assim tanta culpa lol

espero que o alex proyas seja igual a ele próprio

um abraço
jorge vicente

Anónimo disse...

O filme é muito bom... Ao contrário do que dizem não é drama... É suspense... Excelente e diferente... Vcs vão gostar... Já está na Net e com legendas em português... abraços, moçada... The MusicLover.

Helio Otoni disse...

O filme é uma enorme baboseira e um presságio para pregos na tampa do caixão de Cage.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...