terça-feira, abril 05, 2005

Constantine



“Constantine” baseia-se na adaptação ao cinema (mais uma!) da banda desenhada “Hellblazer”. Keanu Reeves encarna o papel do detective Jack Constantine, um homem muito atormentado pelo medo de morrer e ir parar ao inferno. No entanto, Constantine acabará por se juntar a Angela Dodson (Rachel Weisz), uma céptica polícia, para a ajudar a resolver o suicídio da sua irmã gémea. Juntos embarcarão numa viagem pelo mundo dos anjos e demónios, num conjunto de eventos inexplicáveis que os irão unir, mas ao mesmo tempo tirar a paz.

Condenado a morrer jovem (tem cancro nos pulmões) e em busca de um lugar no céu, Constantine passa os dias a livrar-se de demónios que se apropriam dos humanos. Os problemas começam quando Constantine repara que alguém está prestes a regressar, pondo em risco um pacto feito entre Deus e o Diabo, que conferia algum equilíbrio na terra.

A história é mais ou menos esta e não sai daqui. É pouco eficaz, tal como a interpretação de Keanu Reeves (sempre em piloto automático). As sequências de acção não são estonteantes e as imagens do inferno – em termos de efeitos especiais - parecem-me mesmo fracas.

Constantine foi um filme que não me agradou, apesar dos constantes sorrisos que as frases brilhantes de humor negro de John Constantine me provocaram. No entanto, o argumento peca imensamente pela fraca mediania.

.: 5/10 :.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...